LIFESTYLE

Diagnosticaram-me SOP, mas o que raio é isso?

Alô meus amores, hoje o tema é saúde e espero poder ajudar algumas de vocês que partilhem os mesmos sintomas que eu. Andei 21 anos da minha vida cheia de sintomas estranhos que nunca eram justificados com algum problema de saúde especifico.

A minha vida nos médicos era do género: Tenho febre sem causa aparente : “à e tal deve ser uma virose” ; Tenho dores horríveis de barriga “à e tal deve ser da menstruação” ;  Tenho menstruações muito irregulares ” à e tal toma a pílula“. Mas entretanto começaram a acontecer as perdas gestacionais (e aqui é que entramos num tema delicado para muitas de nós não é?), foi aqui que me enchi de toda a lengalenga que ouvia nos médicos, e me mexi para descobrir o que tinha, tinha de haver alguma coisa que me estava a escapar. E finalmente descobri. Foi-me diagnosticado SOP e não sei se fiquei aliviada por perceber a origem de todos os meus problemas ou se fiquei doida por saber que isto me vai empatar para o resto da vida porque simplesmente não ter cura.

A SOP (Síndrome de ovários policisticos) é um distúrbio endócrino que provoca alteração dos níveis hormonais, levando à formação de cistos nos ovários que fazem com que eles aumentem de tamanho. Esta doença como já vos disse, não tem cura, e é de origem ainda por identificar. Os médicos acreditam que é hereditário e que trás um risco elevado para a mulher de contrair cancro no endométrio, ataques cardíacos e diabetes tipo II.

. A lista de reações causadas por esta desgraçinha é gigante, mas deixo-vos algumas das que eu apresento:

  • Produção excessiva de pelos
  • Cistos nos ovários
  • Infertilidade (dificuldade em engravidar/manter gravidez)
  • Produção excessiva de acne
  • Ciclo menstrual anormal
  • Facilidade em engordar
  • Resistência a insulina
  • Baixa densidade dos ossos
  • Inchaço frequente no abdómen
  • Descontrolo hormonal

Se tens alguns destes sintomas e achas que fazes parte do meu team, tens de fazer exames para confirmar. Às vezes pode ser só um falso alarme. Estando o diagnostico feito pelo vosso medico e a SOP confirmada, o que é que ele vai fazer? Vai receitar-te a pílula. Sim, não há mais nada que ele possa fazer por ti. A pílula vai atenuar reações como o excesso de acne e as dores de ovários, e vai regular-te o ciclo menstrual porque obriga o teu corpo a comportar-se de uma certa forma. Mas vai resolver o problema? NÃO.

Como eu não sou adepta de tomar seja o que for, decidi começar a procurar métodos naturais para ajudar o corpo a melhorar estes sintomas. Aquilo que aprendi é que devemos evitar: Drogas, stress, tabaco, álcool, sedentarismo e alimentos com excesso de sal. Aprendi também que quem tem esta doença deve praticar exercício físico diariamente, e de preferência intensivo (aqui estou a falhar, mas vou tentar melhorar juro).

Se também tens este problema e procuras algum conselho mais especifico ou apenas uma conversa “de amiga” sente-te à vontade para conversar comigo, sei o quanto é difícil enfrentar estes sintomas pois também eu passo por todos eles. Quando me disseram “tu tens SOP” eu fiquei “o que raio é isto??”, mas depois de me abrir com algumas mulheres percebi o quão comum esta doença se esta a tornar, e o apoio umas das outras é crucial nos dias maus. Afinal, mente sã corpo são nao é?

Xoxo,

Bárbara Tavares.

 

2
Deixe um comentário

avatar
recentes antigos mais votados
Anabela
Visitante

ao menos descobriram o que tinhas.. mas fico triste em saber que isso não tem cura. Fazes muito bem em procurar algo mais natural, quanto mais químicos tem o nosso corpo, pior.
Um beijinho de força ❤